Condotechs: conheça as oportunidades de negócios para condomínios

Mercadinhos autônomos, lavanderias, portaria remota, apps de gerenciamento: o prédios residenciais se tornam cenários para novos negócios, que atraem tanto startups como grandes empresas.

Mais de 68 milhões de brasileiros moram em condomínios, segundo uma estimativa da Abrassp, a Associação Brasileira de Síndicos. Estamos falando em um terço da população do país.

Foi de olho nas necessidades desse público que começaram a surgir startups apelidadas de “condotechs”, ou seja, voltadas a levar tecnologia para dentro dos conjuntos de prédios ou de casas. Isso engloba sistemas de gerenciamento financeiro, automação de portaria, serviços de economia compartilhada e de consumo "O segmento de condomínios sempre foi muito conservador. Mas a pandemia ajudou a acelerar a transformação digitial e hoje a gente já vê até moradores indicando soluções nas reuniões dos prédios", afirma Cora Souza, consultor de negócios do Sebrae-SP.

Fonte: VC S/A

 

Sobre a loja

A Shields foi fundada em 2005, em Valinhos - SP, com o objetivo de criar o primeiro protetor de porta magnético contra impactos de excelência e design minimalista do Brasil. Na época, o mercado de protetores ainda não existia e fomos pioneiros.

Social
Pague com
  • Pix
Selos
  • Site Seguro

SHIELDS COMÉRCIO ROUP. ACES. DE VEÍCULO LTDA - ME - CNPJ: 08.512.769/0001-09 © Todos os direitos reservados. 2022